Notice (8): Undefined index: tagdescription [APP/View/Layouts/default.ctp, line 23]"> Notice (8): Undefined index: tagkeywords [APP/View/Layouts/default.ctp, line 24]"> Notice (8): Undefined index: tagauthor [APP/View/Layouts/default.ctp, line 25]">
NEWS
Foto: (Riot Games)

CBLOL 2017: Semana 3, dia 2: Expectativas

#Artigos | 05/02/2017 12:22:58

O segundo dia dessa semana será marcado entre confrontos que devem medir a ponta inferior da tabela, com REMO vs INTZ e Keyd vs OPK, em jogos que provavelmente já definirão quais times enfrentarão os primeiros temores do rebaixamento.

 

  • REMO vs INTZ

Neste jogo teremos um duelo interessante do time mais jovem no CBLOL e do time que mais foi campeão nos últimos tempos, no entanto a jovialidade da REMO dentro do campeonato é bem anulada pela sua excelente sinergia, não apenas na rota de baixo ou entre caçador e o jogador do meio, mas no time como um todo, em um ritmo que, caso se mostre crescente, pode vir a render bons frutos.

Já a INTZ embora tenha demonstrado que ainda é um time forte mesmo com essa formação recente, sua falta de sinergia clara, somada a uma atuação bem apagada da rota de baixo, que é em tese o grande ponto do time, podem vir a sofrer bastante nas mãos da REMO que tem demonstrado não apenas evolução, mas também serem o time com maior entrosamento entre seus jogadores.

Um empate não seria estranho e até seria um resultado aceitável, mas uma vitória, por qualquer um dos dois times, demonstraria que o mesmo encontrou a tônica certa para subir nessa tabela e disputar pontos com os favoritos, no caso da INTZ isso resultaria na força intrépida sendo retomada e dando aos seus fãs mais motivos para confiar na escalação, enquanto para a Brave seria mais uma confirmação de que já estão sintonizados com o CBLOL e seu crescimento não parou.

 

  • Keyd vs OPK

O time favorito até o início dos jogos era a Keyd, por mais uma vez conter estrelas do cenário em uma formação extremamente forte no papel, no entanto a perda de um ponto para a Brave, bem como a derrota nas mãos da paiN deixaram claro que essas estrelas não estão alinhadas ainda, dando o temor de, mais uma vez, o excesso de astros não ser algo com o qual facilmente uma comissão técnica consiga lidar, direcionando-os da forma para alcançarem todo seu potencial.

Já a OPK parece ser um grande coringa nesse baralho, tendo feito uma atuação sofrível contra a Kabum e que deu sinais de ser o time mais fraco até aquele momento, mas com uma atuação surpreendente contra a paiN, um dos cabeças da tabela dessa etapa do CBLOL.

Tomando a paiN como base para análise dos dois times, a expectativa é a de um empate, mas isso é um resultado esperado caso não haja evolução na Keyd, o que poderia demonstrar que os problemas dessas estrelas são mais graves e podem exigir mais tempo para serem solucionados, custando assim a temporada.

Por outro lado, a OPK pode apresentar essa melhora entre essas semanas, uma vez que a ausência de estrelas talvez seja algo com o qual uma comissão técnica consiga lidar mais facilmente.

Essa série é mais uma que consolidará resultados e poderá colocar um dos times na zona do rebaixamento, levantando o sinal vermelho de que algo precisa ser feito de forma urgente para resolver os problemas encontrados na equipe ou em sua comissão técnica.

 

Por: Gabriel "Arddhu" Gastaldo

Publicidade

Youtube
Instagram
  • Carregando...
Publicidade